FCA prepara 25 lançamentos de Fiat, Jeep e RAM no Brasil

Embalada pelos bons resultados da Jeep e querendo levantar a posição da Fiat, a FCA planeja nada menos que 25 lançamentos para estas duas marcas e mais a americana RAM no mercado brasileiro. Nem todos serão produtos novos, no entanto, sendo que da atual gama, os modelos Argo e Cronos deverão receber boas atualizações de meia vida.

Mas não apenas eles, visto que a Toro e o Mobi devem ser renovados visualmente. O que se espera mesmo é a próxima geração Uno. Apagado no lineup da Fiat atualmente, o popular agora só tem motor 1.0 e regrediu ao trazer de volta o velho Fire Evo. Espremido entre Mobi e Argo, o futuro do modelo poderia estar rumando numa direção bem diferente da atual.

Comenta-se que a Fiat vai ter 15 dessas novidades da FCA, sendo que uma delas seria um crossover derivado do Mobi. Este modelo deve brigar com um crossover que surgirá na Volkswagen com base no Polo, abaixo do T-Cross, que já será pequeno: 4,10 metros. A marca ainda terá um SUV compacto com base no Argo e um equivalente do próximo Compass com sete lugares.

Strada e Fiorino terão novas gerações, quem sabe derivadas de mesmo projeto. Mas e o Uno? Onde cabe um carro que no momento está sofrendo fogo amigo de cima e de baixo? Com dois Mobis (hatch e crossover) e dois Argos (hatch e SUV compacto), o que resta para o pequeno urbano da Fiat? A única alternativa seria se juntar ao clube. Mas como?

Se um crossover do Mobi não passar de 3,80 m ou algo perto disso e o SUV compacto do Argo alcançar pouco mais de 4,20 metros, enquanto o Uno poderia ser convertido em um crossover exclusivo, com algo em torno de 4,00 m. O triplo de utilitários esportivos da Fiat faria sentido em faixas de preço de R$ 45 mil a R$ 55 mil, de R$ 60 mil a R$ 75 mil e de R$ 80 mil a R$ 95 mil, respectivamente os derivados de Mobi, Uno e Argo.

Na Jeep, as novidades nacionais serão as novas gerações de Renegade e Compass. Por fim, uma variante deste com sete lugares. Haverá também as novas gerações de Wrangler, Cherokee e Grand Cherokee, além do Wagoneer e um SUV menor que o Renegade para completar as novidades. Restariam apenas a picape média da RAM (1000) e um modelo maior, que pode ser a RAM 1500. Com esse time, a FCA espera ampliar as vendas e liderar como grupo por aqui.

Você pode gostar...